Quarta, 28 de Outubro de 2020
18 98814 7587
Geral DIVISÃO DO ESTADO

De 55 para 79, em 43 anos Mato Grosso do Sul criou 24 novos municípios

Filhos de Mato Grosso do Sul, novas cidades mostram a força de um estado em evolução

11/10/2020 12h39
Por: Jornalista Adilson Oliveira Fonte: Correio do Estado
Rota Norte Costa Rica, Parque Salto do Sucuriú - Divulgação/ VisitMS
Rota Norte Costa Rica, Parque Salto do Sucuriú - Divulgação/ VisitMS

Com o desmembramento do Mato Grosso e criação do Mato Grosso do Sul, 55 cidades formaram o novo estado. Ao longo de 43 anos de história, outros 24 municípios foram criados.

Promulgada em 11 de outubro de 1977 pelo então presidente da república Ernesto Geisel, a lei complementar n.31 recompensava o apoio dado pelos combatentes do sul do estado à revolução constitucionalista de 1932, que criou extraoficialmente o estado de Maracaju. 

A ideia de emancipação surgira no começo do século XX, mas fora suprimida pelo norte com medo de esvaziamento econômico da região. De lá para cá, os dois estados criam os próprios rumos, e se mostram muito bem sozinhos. 

Cada nova cidade tem uma particularidade e algumas delas até mostram a força de quem já é independente há muito tempo. Assim, elas contribuem para o potencial desenvolvimento de MS com suas particularidades.

A principal base da economia de Mato Grosso do Sul é o agronegócio, mas também se destaca mundialmente pelas belezas naturais. Potencialidades que fazem de MS um lugar de oportunidades.

Três anos após a divisão, a história dos novos municípios começou a ser escrita. Costa Rica, Douradina, Bodoquena, Itaquiraí, São Gabriel do Oeste, Selvíria, Sete Quedas, Tacuru e Taquarussu foram criados ainda na década de 1970. 

Costa Rica se destaca não só pelo potencial turístico, mas também pela produção agrícola. São Gabriel do Oeste segue o mesmo rumo, e para se ter uma ideia é o maior produtor de suínos e avestruzes do Estado. Em nível nacional é o maior produtor de sorgo, tendo se destacado na safra 2011/2012.

Ao longo da década de 1980 foram criados 7 novas cidades. Em 1985 foi a vez de Coronel Sapucaia se tornar município.

Dois anos depois foram publicadas as leis que criaram os municípios de Dois Irmãos do Buriti, Juti, Santa Rita do Pardo, Vicentina e Chapadão do Sul. Sendo a última, consolidada no agronegócio brasileiro. 

Já Sonora e Paranhos, se tornaram município em 1988 e 1989, respectivamente. Entre os potenciais da cidade de Sonora está a agroindústria e o turismo de eventos.

Já na década de 90, cinco cidades foram criadas: Nova Alvorada do Sul em 1991, e Alcinópolis, Japorã, Laguna Carapã, e Novo Horizonte do Sul em 1992. Figueirão e Paraíso das Águas são as caçulinhas do MS e se tornaram município em 2003. 

Vale lembrar que Paraíso, passou por um período de impasse judicial movido por Água Clara, mas decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) em 2009 foi favorável e deu fim à polêmica que envolvia a 79ª cidade sul-mato-grossense.

 

Ponta Porã - MS
Atualizado às 13h45 - Fonte: Climatempo
30°
Alguma nebulosidade

Mín. 18° Máx. 28°

31° Sensação
8.9 km/h Vento
49% Umidade do ar
90% (30mm) Chance de chuva
Amanhã (29/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 17° Máx. 24°

Chuva e trovoadas
Sexta (30/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 17° Máx. 24°

Sol com algumas nuvens
Ele1 - Criar site de notícias